segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Dieta com Whey Protein funciona?

A nutricionista Geórgia Bachi explica

Geórgia Bachi é mestranda em Nutrição e Alimentos pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (RS), com formação em nutrição pela Universidade Feevale. Tem experiência profissional em nutrição hospitalar e social. Atualmente, é palestrante e realiza atendimento em clínica e em academias desportivas.
Geórgia Bachi lançou o livro "Dieta com Whey Protein – Os benefícios do soro do leite para a sua saúde". Com esse trabalho, a nutricionista busca de esclarecer melhor um assunto que percorre todas as academias, o verdadeiro PODER do Whey. (Veja algumas receitas deliciosas e saudáveis do Livro)

O que é Whey?
Segundo Geórgia, Whey Protein – ou proteína do soro do leite – é considerada a melhor fonte proteica para consumo. A ação antioxidante e sua atuação para a manutenção de um sistema imunológico fortalecido são alguns dos benefícios disponíveis para que busca uma vida mais saudável e também alcançar a boa forma. Possui uma alta concentração de nutrientes, como proteínas, carboidratos, cálcio, fósforo, selênio, magnésio, potássio, zinco, vitaminas B2 e B12, todos fundamentais para a manutenção da saúde humana.

Geórgia Bachi
"Meu objetivo é apresentar um novo conceito de dieta, bastante comum entre atletas e que pode trazer grande benefício à saúde de qualquer indivíduo, independente das metas pessoais e da atividade que pratica" – afirma a nutricionista.
No livro, "Dieta com Whey Protein" além de dicas sobre o suplemento, a autora apresenta receitas com whey protein, que vão desde shakes e vitaminas até bolos e tortas.

"Somente quando comecei a estudar a dieta de fisiculturistas é que compreendi a importância de ingerir fontes proteicas de alto valor biológico nas refeições. Existem itens básicos no cardápio desses profissionais que todos deveriam conhecer e seguir – sugere ela.
Segundo a nutricionista, esses suplementos não farão ninguém ficar magro ou forte milagrosamente. Eles irão trabalhar única e exclusivamente na função suplementar da alimentação.

"Precisamos nos nutrir com o combustível que o organismo necessita. Caso contrário, a consequência será o envelhecimento precoce, a má qualidade de vida e a propensão a diversas doenças". –  conclui Geórgia.

O #ARACNOBlog agradece imensamente a colaboração da nutricionista Geórgia Bachi.

Fontes: Sites suaCorrida e Barra de Cereal

Para comprar o Livro acesse http://www.livrariacultura.com.br


Assista o vídeo onde Geórgia Bachi apresenta seu livro e dá a sua palavra

CUIDADO COM A MARCA DO WHEY PROTEIN
Polêmica do Whey Protein: veja a lista com os produtos reprovados no teste em uma matéria do "EU ATLETA" do G1 da Globo

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Seis maneiras de combater a celulite

Mas lembre-se que milagres são raros

Sem uma fórmula mágica é possível eliminar até 80% de um problema cada vez mais incômodos para boa parte das mulheres do mundo. Não existe tratamento milagroso, mas conjunto de medidas que inclui desde estilo de vida saudável a procedimentos estéticos que podem amenizar os "furinhos".
Prática de atividade física, controle do peso e tratamentos estéticos estão entre as medidas. Mulheres são o principal alvo da celulite, que surge em áreas onde a gordura corporal se acumula, como bumbum, coxa e barriga. Embora fatores como excesso de peso e retenção de líquido aumentem os furinhos, eles aparecem até nas mulheres magras.
Para ter uma pele lisa, não basta emagrecer.
Sob a nossa pele, há o tecido adiposo e, abaixo dele, o músculo. A pele se liga ao músculo por meio de septos fibrosos, estruturas não elásticas que atravessam a gordura, dividindo-a em “blocos”. Alguns desses septos podem se encurtar e puxar a pele para baixo, fazendo com que a gordura se acumule em pequenas regiões e causando os indesejados "buracos". Segundo dermatologistas ouvidas pelo site de VEJA.

As seis dicas

- Evitar alimentos ricos em sódio
- Reduzir o consumo de álcool
- Acabar com o sedentarismo
- Fazer musculação e ginásticas
- Não contar apenas com tratamentos estéticos
- Controlar o peso


quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

DEUS EXISTE e a ciência encontrou provas

Um dos cientistas mais conceituados da atualidade encontrou prova da atuação de uma força ‘que rege tudo’

Deus pode ser definido de várias formas devido a uma grande quantidade de religiões e crenças, para a ciência já é mais difícil aceitar que Deus possa realmente existir, porém, um dos cientistas mais conceituados da atualidade encontrou provas e com isso, a ciência pode começar a acreditar na existência de Deus.

A matéria a seguir é do site JORNAL VDD
O físico teórico Michio Kaku afirma ter criado uma teoria que pode apontar a existência de Deus. A informação criou alvoroço no meio científico, pois Michio Kaku é considerado um dos cientistas mais importantes da atualidade, um dos criadores desenvolvedores da revolucionária Teoria das Cordas, e é extremamente respeitado em todo o mundo.

Para chegar às suas conclusões, o físico fez uso de um “semi-raio primitivo de táquions” (que são partículas teóricas, capazes de “desgrudar” do Universo a matéria ou vácuo que entrar em contato com ela, assim, deixando qualquer coisa livre das influências do universo à sua volta), tecnologia criada recentemente, em 2005. Embora a tecnologia para chegar às verdadeiras partículas de táquions ainda esteja muito longe de ser alcançada, o semi-raio tem algumas poucas propriedades dessas partículas teóricas, que são capazes de criar o efeito dos verdadeiros táquions, em escala subatômica.

Segundo Michio, nós vivemos em uma “Matrix”: ”Cheguei à conclusão que estamos em um mundo feito por regras criadas por uma inteligência, não muito diferente do seu jogo preferido de computador, claro, impensavelmente mais complexa. Analisando o comportamento da matéria em escala subatômica, a parte afetada pelo semi-raio primitivo de táquions, um minúsculo ponto do espaço, pela primeira vez na história, totalmente livre de qualquer influência do universo, matéria, força ou lei, percebi de maneira inédita o caos absoluto. Acredite, tudo que nós chamávamos de casualidade até hoje, não fará mais sentido. Para mim está claro que estamos em um plano regido por regras criadas, e não moldadas pelo acaso universal”, comentou o cientista.

Veja Também